Total de visualizações de página

domingo, 22 de abril de 2012

A Epopéia do Garmin

Já contei sobre o problema que tive com meu Garmin Forerunner 610Na verdade, problemas, pois tanto o meu, quanto o de Lorena apresentou problema.

Conforme contato, enviei o meu Garmin para eles pelo FedEX. Demorei um pouco para fazê-lo, pois era formulário que não acabava mais, por causa de Receita Federal. Ele foi recolhido em Salvador 02/04/12, e ficou no Brasil até 09/04, quando foi liberado pela Receita para envio aos EUA. 

E como as coisas funcionam quando o governo ajuda! Partiu do Brasil 09/04 e no dia seguinte, já estava na sede da Garmin! Como ela havia me dito, problemas como o meu não são reparados, e sim substituídos. E assim, aconteceu. Cerca de 7 dias úteis após, a DHL já estava me ligando para informar que estava com minha remessa em Salvador.

Eu enviei apenas o relógio, sem cinta, transmissor, nenhum acessório, e eles mandaram um novo com TODOS os acessórios, como comprado em loja:






O problema, é que, só de imposto de importação + ICMS, foram R$ 730,00. Se considerarmos que um no Mercado Livre (sim, porque na loja é covardia comprar), o preço varia de R$ 990,00 a R$ 1.200,00, pode parecer pouco, mas eu já havia pago o preço de um novo, logo, o valor ficaria proibitivo.

E nesse meio tempo, compramos um Polar RCX5. Assim, além de não precisar de outro, não compensava financeiramente. Ofereci a Tiago, primo de Lorena, que pagasse a importação e frete e ficasse com ele, o que, nesse caso, é um bom negócio.

Resumo da ópera: atendimento da Garmin, nota 10, burocracia e tributos brasileiros, 0. E ainda tenho mais um modelo danificado, que vou fazer um orçamento em S.P. e, se não valer a pena, ou vendo com a avaria, ou mando para os EUA (a Garmin já disse que posso enviar), e alguém assume as despesas.

Continuo achando o Forerunner 610 um excelente equipamento, mas, para mim, ele tem um problema de projeto que faz com que a pulseira se solte, o que pode fazer com que o usuário o perca ou danifique durante o treino. Esse modelo substituído que recebi, por exemplo, quando tirei da caixa, tive que apertar a pulseira, e a estrutura de aço interna começou a aparecer.

Quanto ao problema no meu display, fico com a tese de que foi um azar.

Uma pena, afinal a Garmin é uma das poucas que oferece um aparelho com GPS integrado, o que não acontece com a Polar, por exemplo, que precisa de um acessório externo, no meu caso o G5.

Nessas horas dá uma inveja do american way of life....



Coment·rios
2 Coment·rios

2 comentários:

  1. Ola estou começando com a corrida na minha vida .. seguindo seu blog ..
    http://gustavo-bodyperfect.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gustavo, seja bem vindo! Espero que esse seja o início de uma longa e produtiva jornada. Olhei seu Blog, vi que a musculação também é uma prática na sua vida. E é bom que seja assim, pois são atividades complementares e importantes.

      Mande lembranças a Bob, Brad, Jully, Lady e Meg :-)

      Abraço,

      Roberto

      Excluir